Simpatia, de Castello Branco

Simpatia, de Castello Branco (Créditos da foto: Camila Ayouch)
Simpatia, de Castello Branco
(Créditos da foto: Camila Ayouch)

Simpatia é o primeiro livro do cantor e compositor Castello Branco. Para aqueles que já ouviram Serviço, seu primeiro álbum solo, ou são órfãos da R. Sigma como eu, redescobrirão os jogos de palavras, a ironia sóbria e a sinceridade características do carioca.

A mão repousa no lado esquerdo de um peito aberto para o mundo, pontilhado de experiências e cores. A vida acontece do outro ao outro; daí a poesia. Com um refinamento artístico sem precedentes, o livro é fruto de uma seiva cuidadosa, criatividade prática e flexibilidade mental.

Os poemas são silêncios luminosos, dotados de frescor e autoconsciência. O exercício de abandonar as ilusões sobre o estado das coisas eleva a compreensão à essência do ser. Há quem possa vislumbrar neles um aperfeiçoamento da solidão ou da arte como modo de viver; eu vejo contemplação.

A ausência de separatividade, a inexistência do eu pessoal e o reconhecimento de ser em unicidade é, inevitavelmente, uma comunhão com a plenitude. Simpatia é belo e dizer tudo talvez seja pouco.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s